18.10.16

MUDANÇAS DE PARÂMETROS PARA UM MUNDO MELHOR

Esforçamo-nos para que nossos filhos ou netos recebam uma educação profissional da melhor qualidade para não sofrerem necessidades no futuro. No entanto, essa educação é a mesma que perpetua o sistema de competitividade, consumismo, individualismo e ganância que tanto abominamos!
Certamente o que irá preservar a vida dele, do planeta e de sua descendência não será tanto a educação que fazemos questão que ele tenha, mas sua capacidade de se solidarizar, amar e compreender que o mundo dele só existirá se entender que o mais importante é o ser, não o ter, que não será o poder e o dinheiro que salvará suas vidas, mas a capacidade de fazer pelo outro, de criar o bem em todas as suas atitudes e trabalhos.
Portanto, desenvolver-lhes a capacidade de colaboração, convivência entre a diversidade, de amar, participar, de fazer pelo outro será o passo derradeiro para um mundo melhor. Ou seja, um mundo de regeneração de toda humanidade e de preservação do planeta.
Rubens Prata