16.6.15

O QUE PODEMOS TER, O QUE PODEMOS SER

"O que poderemos ter, o que poderemos ser". Apenas uma frase musical abre tamanha reflexão, pois o que a humanidade intensamente mais deseja e persegue nos dias atuais? Beleza física. riqueza, poder, conforto. Enfim, possuir, possuir possuir!
Com esse parâmetro como ideal, (fruto de manipulação ininterrupta que fazem-nos a milênios) não haverá recursos que sustente a ganância de quem nos manipula e o desejo irrefletido daqueles consumidores que almejam beleza, riqueza poder, possuir etc. Pois é esse o caminho do desassossego e da destruição a que estamos fadados a ter brevemente.
Por outro lado, há outro caminho a ser desejado como o da harmonia, paz, liberdade, inteiração, respeito, solidariedade e sobretudo conhecimento. Sendo este último aquele que pode nos libertar da manipulação da mídia, corporações, governos e trazer os atributos desse caminho a harmonia, paz etc.
Sinto-me compelido a mostrar estes dois parâmetros, já que a continuidade da vida no planeta exige urgentemente uma mudança radical de nossas atitudes perante a vida.
Não tenhamos medo de ser o que nos propusermos ser!
Não tenhamos medo de colocarmos idéias que não são comuns em meio à Matrix na qual vivemos!