24.1.10

PAI, OLHE PARA MIM !

Pai, por que você não olha por mim?
Será que estou torto.
Porque sou gordo.
Porque sou peso morto?

Pai, por que você não olha para mim?
É porque estou teso?
Porque você quer viver solto?
Porque estou preso?
Você não quer estar com responsabilidades envolto?

Por que você não olha para mim?
Porque eu uso óculos?
Você tem medo de que eu lhe dê
um ósculo?

Eu não pedi para você me por no mundo!
Você abandonou-me na casa da tia.
Escrevia, não lia, o pau comia.
Logo ela pôs-me na rua.
Eu vivi sujo e imundo.

Ninguém emprega ou dá guarida a uma criança de 10 anos.
Eu roubava para a comida.
Com o tempo, assaltava depois corria.
Não tinha com quem falar,
o que sentia.
Agora estou aqui,
atrás das grades.
Pai, por que você não olha para mim?

Eu, Rubens